quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Promovendo a luz na escuridão

Hoje pela manhã ao sair divulgado o evangelho de Jesus Cristo nas ruas...tive conversas interessantes com as pessoas...

Como já estudamos nos artigos "o Verdadeiro Betel" e "Demolindo edifícios sagrados", a "indoutrinação", a  "agenda" que as religiões organizadas operam na mente das pessoas é enorme.

Não tem um vez que eu saio publicamente para falar de Jesus Cristo e de Jah que não deparo-me com tal "indoutrinação" de que a "Casa de Deus" na terra seja um edifício dedicado a Deus feito por mãos humanas.

Abaixo, segue a conversa que eu tive com um jovem (18 anos):

(eu) -  Onde é a casa de Deus aqui na terra?

(jovem) - "Tem uma lá na rua catequese..."

Então expliquei pra ele que as Boas Novas de Jesus envolve saber que Deus não reside mais em edifícios construídos por mãos humanas... declarei-lhe as palavras de Jesus:

Leia João 14:23 Em resposta, Jesus disse-lhe: “Se alguém me amar, observará a minha palavra, e meu Pai o amará, e nós iremos a ele e faremos a nossa residência com ele.

Ou seja, se obedecermos a palavra de Jesus, o ensinamento dele (não de organizações religiosas, pastores, anciãos, Papas, Governantes, etc). Então Deus habitará em nós com o Seu Espírito Santo (1 Cor 3:16)

Tudo depende o quanto amamos a Jesus Cristo. Depende em termos a mente de Cristo. (1 Cor 2:16)

Uma outra senhora também disse que que ela já ia na casa de Deus...Ao falar do verdadeiro templo de Deus , que são seus filhos, ela respondeu:

"Mas vocês testemunhas de Jeová também vão no salão do Reino"

Eu expliquei pra ela que assim como as demais religiões, também é forte a ideia entre as testemunhas de Jeová de que Deus tem uma "casa". Não é nada incomum entre elas chamar o salão (ou outros edifícios) de "casa de Jeová". Mas tais conceitos são desvios do Cristianismo.

Para outro rapaz, expliquei que já houve o tempo de Deus ter uma casa na terra feito por mãos humanas. Já foi o tempo de dedicar um edifício de pedras à Deus. Começou com o tabernáculo nos dias de Moisés, onde Jah habitava com Seu espírito. Depois Salomão dedicou um edifício à Deus. Depois Zorobabel....e isso foi até os dias de Jesus Cristo, quando Jeová ainda habitava no Templo em Jerusalém (Mateus 5:34-35, Mateus 23:21)

Mas Jesus Cristo, o verdadeiro Rei do verdadeiro Israel (João 1:49, Romanos 9:8) iniciou a construção de um novo Templo, uma nova Casa de Deus, que não é feita por mãos humanas (Atos 4:11). Deus está à procura de pedras vivas para o Seu Templo.

Também passei por testemunhas da Torre de Vigia (pioneiras). Eu as cumprimentei. As conheço há anos. Comeram na minha casa e eu nas delas.  O meu bom dia não obteve resposta. Mas o que é interessante nesse caso é que a pioneira que me tratou como se eu não existisse (um "morto", simplesmente ignorou-me) costumava perguntar-me o seguinte:

"Qual é aquela frase que você falou certa vez em seu comentário?"

A frase que essa pioneira gostava de ouvir era essa:

"O contrário do amor é a indiferença, quando você despreza uma pessoa isso indica que você não a ama".

Talvez essa frase motivasse essa pioneira a "pregar"...pois ela não poderia "desprezar o próximo". Como ela deve(ria) saber:  Desprezar o próximo é evidência clara de falta de amor.

Assim vou terminar esse artigo com alguns textos para meditarmos:

Mateus 5:46 Pois, se amardes aos que vos amam, que recompensa tendes? Não fazem também a mesma coisa os cobradores de impostos? 47 E, se cumprimentardes somente os vossos irmãos, que fazeis de extraordinário? Não fazem também a mesma coisa as pessoas das nações? 48 Concordemente, tendes de ser perfeitos, assim como o vosso Pai celestial é perfeito.

Lucas 6:27 “Mas, eu digo a vós, os que estais escutando: Continuai a amar os vossos inimigos, a fazer o bem aos que vos odeiam, 28 a abençoar os que vos amaldiçoam, a orar pelos que vos insultam.

Lucas 6:31 “Também, assim como quereis que os homens façam a vós, fazei do mesmo modo a eles.

Lucas 10:25 Então, eis que se levantou certo homem versado na Lei, para prová-lo, e disse: “Instrutor, por fazer o que hei de herdar a vida eterna?” 26 Ele lhe disse: “O que está escrito na Lei?Como é que lês?” 27 Em resposta, disse: “‘Tens de amar a Jeová, teu Deus, de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de toda a tua força, e de toda a tua mente’, e, ‘o teu próximo como a ti mesmo’.”+ 28 Ele lhe disse: “Respondeste corretamente; ‘persiste em fazer isso e obterás a vida’.

Mateus 7:20 Realmente, pois, pelos seus frutos reconhecereis estes [homens].

Leia também:
Dando Testemunho de Jesus Cristo

2 comentários:

Anônimo disse...

Em termos cronológicos, Jasher é um escrito posterior ao Êxodo, conforme relata ele próprio em seu capítulo 73 (Jasher 73:28-29): “E Balaão, o mágico, quando viu que a cidade fora tomada, abriu o portão, e ele e seus dois filhos, e oito irmãos, fugiram e retornaram ao Egito, a Faraó, rei do Egito. Estes são os feiticeiros e mágicos que são mencionados no Livro da Lei, que ficaram contra Moisés quando o Senhor trouxe as pragas ao Egito”. O Livro da Lei, neste caso, se refere ao Êxodo, onde se relatam os dez mandamentos.



Jasher é mencionado diretamente duas vezes no Antigo Testamento, a saber, em Js 10:13: “E o sol se deteve, e a lua parou, até que o povo se vingou de seus inimigos. Isto não está escrito no livro de Jasher? O sol, pois, se deteve no meio do céu, e não se apressou a pôr-se, quase um dia inteiro”; Em 2 Sm 1:18: “Dizendo ele que ensinassem aos filhos de Judá o uso do arco. Eis que está escrito no livro de Jasher”.

Há também ao menos uma referência não direta ao mesmo livro no Novo Testamento, em II Tm 3:8 que relata: “como Janes e Jambres resistiram a Moisés, assim também estes resistem à verdade, sendo homens corruptos de entendimento e réprobos quanto à fé”. Estes personagens não são mencionados em nenhuma passagem do Antigo Testamento, mas eram conhecidos de Paulo, que tinha, portanto, tido acesso ao Livro de Jasher, onde o assunto é detalhado no seu capítulo 79.

ednilson sacramento disse...

Que bom que você continua uma "fonte". Como assim?? Poderias perguntar.
O irmão ignora a indiferença e o desprezo das "testemunhas". O irmão tem o seu próprio sentimento, então porque comprar o deles?? Continue sendo uma fonte de Amor. Quem PREZA continua falando alegremente apesar de qualquer coisa. Quem PREZA DEVE SER uma fonte deste sentimento.
Alegre-se em ser desprezado por causa do nome do Mestre.

Esta alegria só é usufruída por aquele que é desprezado.

Aquele que vende todas as suas coisas e dá ao pobres experimenta uma alegria única e pessoal.

O que lhe dirão no último dia??