domingo, 8 de julho de 2012

O Homem que é Contra a Lei - O Filho da Destruição


Em sua segunda carta aos Tessalonicenses, o apóstolo Paulo dá um importante alerta a esses cristãos.

O assunto desse alerta gira em torno de algo demasiadamente importante: A presença de nosso Senhor Jesus Cristo

2 Tessal 2:1 Lemos:
1 No entanto, irmãos, com respeito à presença de nosso Senhor Jesus Cristo e de sermos ajuntados a ele, solicitamo-vos 2 que não sejais depressa demovidos de vossa razão, nem fiqueis provocados, quer por uma expressão inspirada, quer por intermédio duma mensagem verbal, quer por uma carta, como se fosse da nossa parte, no sentido de que o dia de Jeová está aqui.


Nesses versos o apóstolo alerta aos cristãos ungidos, com respeito à presença de nosso Senhor Jesus Cristo, que não sejam depressa demovidos de sua razão, nem fiqueis provocados.

Como e quem provocaria aos cristão com respeito a uma antecipada presença de Cristo?

Como:
uma expressão inspirada: em nome do “espírito de Deus”
quer por intermédio duma mensagem verbal: um discurso
quer por uma carta: literatura.

Quem:
como se fosse da nossa parte” - como se fosse dos Apóstolos

Valendo-se de autoridade apostólica, uma antecipada presença de Cristo seria anunciada, como sendo da parte de Deus (expressão inspirada) e transmitida por mensagem verbal e carta.

O apóstolo continua:
3 Que ninguém vos seduza, de maneira alguma, porque não virá [com respeito à presença] a menos que venha primeiro a apostasia e seja revelado o homem que é contra a lei, o filho da destruição.

Paulo indica que antes da real presença de Cristo ,viria a apostasia [desvio da adoração Verdadeira, desvio de Jeová].

O responsável pela apostasia seria o “homem que é contra a lei”, o filhos da destruição, o(s) semelhante(s) a Judas. João 17:12


Será que essas palavras se cumpriram na apostasia que ocorreu na antiga congregação do passado?

Nos versos que se seguem respondemos à essa questão:

4 Ele se coloca em oposição e se ergue acima de todo aquele que se chame “deus” ou objeto de reverência, de modo que se assenta no templo de O Deus, exibindo-se publicamente como sendo [um] deus. 5 Não vos lembrais de que, enquanto eu estava ainda convosco, costumava dizer-vos estas coisas?”

Aonde estaria atuando o filho da destruição?

se assenta no templo de O Deus”

O que é o templo de O Deus? O que é o templo de Jeová?

1 Cor 3:16 Não sabeis que vós sois templo de Deus e que o espírito de Deus mora em vós?

Os cristãos ungidos com espírito são o “templo de O Deus”
Portanto o Homem que é contra a Lei, o filho da Destruição, se assenta junto com os cristãos ungidos. Tal homem que é contra a lei estaria associado aos cristãos ungidos e de fato, ergueria-se acima deles – em oposição (um satan).

O verso continua:

6 E assim, agora sabeis o que age como restrição, visando que ele seja revelado no seu próprio tempo devido.”

Tal 'homem que é contra a lei' não seria revelado senão no próprio tempo devido. O temor exerce uma restrição (1 João 4:18)
No amor não há temor.
Mas o perfeito amor lança fora o temor.

Deixar de agir como Jesus Cristo - aquele que personificou o perfeito amor – é agir em restrição contra a Lei (Amar a Jeová sobre todas as coisas [devoção exclusiva] e Amar o próximo como a ti mesmo) . É deixar de agir como um ungido [cristo] de Deus.

Continuemos:

7 Verdadeiramente, o mistério daquilo que é contra a lei já está operando; mas apenas até que aquele que agora mesmo age como restrição esteja fora do caminho.

Esse verso mostra que o homem que é contra lei operaria na surdina, agindo como um mistério, invisível. Mas até que aquele que age como restrição (temor ou falta de amor, falta de Jesus em suas ações) estivesse fora do caminho. (1 João 4:18)

O que se seguiria então com o fim da restrição?

8 Então, deveras, será revelado aquele que é contra a lei, a quem o Senhor Jesus eliminará com o espírito de sua boca e reduzirá a nada pela manifestação de sua presença.

O homem que é contra a Lei seria Revelado (descoberto – fim do mistério) , eliminado pelo espírito da Verdade (boca de Jesus) e reduzido a Nada na real presença de Cristo e terminação:

Mateus 13:40 Portanto, assim como o joio é reunido e queimado no fogo, assim será na terminação do sistema de coisas. 41 O Filho do homem enviará os seus anjos, e estes reunirão dentre o seu reino todas as coisas que causam tropeço e os que fazem o que é contra a lei

Na iminência da verdadeira presença de Cristo o Homem que é contra a Lei seria Revelado e reunido e separado pelos anjos.
Note que o homem que é contra a lei está assentado no templo de O Deus – dentro do reino de Cristo.

Portanto a apostasia (abandono do pacto) seria um evento que marcaria a aproximação da verdadeira presença de Cristo.
Tal apostasia seria praticada por aquele(s) que se assenta no Templo de O Deus. Erguendo-se acima dos outros 'deuses' ou ungidos.

Sob a influência de quem agiria o homem que é contra a lei?

Os próximos versos respondem essa pergunta:

9 Mas a presença daquele que é contra a lei é segundo a operação de Satanás, com toda obra poderosa, e sinais e portentos mentirosos, 10 e com todo engano injusto para com os que estão perecendo, em retribuição por não terem aceito o amor da verdade, para que fossem salvos. 11 De modo que é por isso que Deus deixa que vá ter com eles a operação do erro, para que fiquem acreditando na mentira, 12 a fim de que todos eles sejam julgados, porque não acreditaram na verdade, mas tiveram prazer na injustiça.

Sim, Satanás é o responsável por infiltrar o templo de O Deus com joio (filhos do iníquo). Aqueles que souberam a verdade mas não a amaram responsabilizaram-se pela perpetuação da operação do erro.

A falsa presença de Cristo tem sido perpetuada entre o povo de Jeová por meio de grandes "sinais e portentos mentirosos". A Harmonia das Escrituras tem sido desprezada em prol de tais "sinais e portentos mentirosos" que possibilitam que alguns comecem a Governar na terra antes que Jesus Cristo. 1 Cor 4:8

Por meio do estudo analítico desses versos aos Tessalonicenses, deduz-se que "um homem(s) que é conta a lei" permearia o Templo de O Deus - Jeová.
Assim como na ilustração do Joio, tal "problema" é permitido por Deus. 

Desperceber e desprezar as palavras de Paulo aos Tessalonicenses como profecia 'expirada' seria uma grande ingenuidade. Seria não encarar os fatos. Seria desprezar a lógica (pois é na presença de Cristo que o homem que é contra a Lei é identificado, eliminado e reduzido a nada)

O 'trigo' no meio do 'joio' com certeza deve 'mostrar-se cauteloso como a serpente, contudo, inocente como a pomba', assim como uma ovelha no meio de lobos. Mat 10:16 

O Trigo não pode aderir à crescente apostasia na qual a Fera Organizacional tem afligido ao povo de Jeová. Os que forem marcados por essa Fera em suas testas (pensamentos) e mãos (ações) serão considerados como idólatras por Jeová.

Tem se aproximado o tempo de adorarmos o Pai em Espírito e Verdade. João 4:24

Eis a constante universal para todos nós:
'Arrependei-vos pois o Reino de Deus se tem aproximado'

Leia também:

2 comentários:

chatlittle monstro disse...

Boa tarde irmão . Você sugere que as testemunhas de Jeová ajam de que forma , além de pedir que Jeová ilumine a mente dos declarados ungidos da dianteira?

ExatoVerdade disse...

Olá irmão,
A Palavra de Jeová nos sugere o seguinte:
Sofonias 2:2 Antes de [o] estatuto dar [algo] à luz, [antes que] tenha passado [o] dia como a pragana, antes que venha sobre vós a ira ardente de Jeová, antes que venha sobre vós o dia da ira de Jeová, 3 procurai a Jeová, todos os mansos da terra, que tendes praticado a Sua própria decisão judicial. Procurai a justiça, procurai a mansidão. Provavelmente sereis escondidos no dia da ira de Jeová.

Todos nós temos que buscar a justiça que PERTENCE a Deus, junto com nossas faculdades de raciocínio, 'a fim de provarmos a nós mesmos a boa, e aceitável, e perfeita vontade de Deus.'

Temos que adorar o Pai em Espírito e em Verdade, Seguindo o Caminho que é Jesus Cristo - imitando seus passos e sua mente.

João 14:1 “Não se aflijam os vossos corações. Exercei fé em [Jeová] Deus, exercei fé também em mim [ Jesus Cristo].

Ame a senda da Verdade